Telefónica

Telefónica enxuga seus negócios na América Latina e se concentra em Europa e Brasil

Pallete direcionará os investimentos aos quatro mercados principais da empresa e abre a porta à venda das filiais latino-americanas ante a instabilidade geopolítica e cambial

JOSÉ MARÍA ÁLVAREZ-PALLETE | Presidente da Telefónica

“Não somos pessimistas sobre o Brasil. O investimento da Telefónica é de longuíssimo prazo”

Presidente da companhia espanhola afirma que a revolução digital precisa de um padrão universal de valores

Telefónica

Presidente do conselho da Telefónica anuncia sua renúncia

César Alierta nomeia como sucessor seu braço direito, Álvarez-Pallete

O grupo PRISA assina a venda de 56% do Canal+ para a Telefónica por 2,3 bilhões

A empresa, à qual pertence o EL PAÍS, consegue um preço final que supera em 77 milhões de reais o pactuado inicialmente

Telefónica justifica a reorganização pelos cortes de gastos e simplificação

O grupo cria uma diretoria comercial digital para rentabilizar a área A remodelagem volta a dar o poder aos países baixos, sob o controle centralizado de Pallete

Alierta reorganiza a cúpula da Telefónica

O executivo-chefe Álvarez Pallete ganha mais poderes com a reestruturação Os centros corporativos de São Paulo e Londres serão fechados