Acidente Germanwings
Günter Lubitz, pai de Andreas Lubitz, nesta sexta-feira em Berlim.

Família de copiloto da Germanwings que bateu nos Alpes em 2015 lança dúvidas sobre sua culpa

Dois anos depois da catástrofe, pai de Andreas Lubitz desmente a versão oficial de que seu filho teria acabado de propósito com a vida de 149 pessoas

Voo 9525
Andreas Lubitz participa da maratona Airportrace de Hamburgo, em 13 de setembro de 2009.

Médico havia sugerido a internação do copiloto da Germanwings

Comissão de investigação da catástrofe conclui, um ano depois, que médicos não alertaram sobre desequilíbrio do responsável

Tragédia Aérea nos Alpes
Andreas Lubitz, em uma foto de 2009.

Copiloto da Germanwings treinou derrubada de avião com voo anterior

Andreas Lubitz fez várias manobras anormais de descida com voo da ida, de Dusseldorf e Barcelona, na manhã daquele mesmo dia. Tragédia em 24 de março nos Alpes franceses causou 150 mortes

Andreas Lubitz, em uma foto de 2009.

Autoridade aérea acusa Lufthansa de ocultar enfermidade de copiloto

Escritório de Tráfego Aéreo alemão culpa matriz da Germanwings por só informar sobre depressão de Lubitz três dias após catástrofe

Estudantes resgatadas no quartel de Garissa (Quênia), um dia depois do atentado islâmico contra a universidade local.

Por que nos comovemos com a Germanwings e esquecemos o Quênia

Facilidade de acesso à informação e proximidade são cruciais na cobertura jornalística de acontecimentos como o atentado na África

Opinião
Foto pessoal de Andreas Lubitz em San Francisco.

Por trás do rosto

Nunca saberemos o que aconteceu na mente de Andreas Lubitz nos minutos que permaneceu só e encerrado na cabine do avião

Germanwings
Oficial da polícia francesa mostra foto da segunda caixa-preta.

Segunda caixa-preta confirma uma ação voluntária do copiloto

Copiloto da Germawings usou o piloto automático e o alterou manualmente várias vezes para aumentar a velocidade da aeronave

Tragédia aérea nos Alpes
Andreas Lubitz, em foto de 2013, em Hamburgo (Alemanha).

Promotoria suspeita que copiloto pesquisou sobre suicídio na Internet

Conteúdo de um tablet mostra que Lubitz buscou informações sobre as medidas de segurança da cabine. Equipe localiza a segunda caixa-preta do avião, que registra detalhes técnicos

TRAGÉDIA AÉREA EM a FRANÇA

Copiloto informou a Lufthansa de um “episódio de depressão grave” em 2009

A empresa admite ter tido conhecimento da situação de Lubitz, da Germanwings, enquanto fazia a formação em sua escola em 2009

Polêmica após acidente de francia
O ator Darío Grandinetti, em cena de Relatos Selvagens.

Cinemas de Londres alertam público antes de exibir Relatos Selvagens

Diversas salas em Londres avisam que um dos episódios pode ser “perturbador”, após acidente da Germanwings na França

Tragédia aérea nos Alpes
Trabalho de resgate dentre os destroços do avião.

Copiloto Andreas Lubitz já havia sido tratado por risco de suicídio

Psiquiatras não detectaram tendências suicidas nem agressividade contra terceiros desde que o profissional obteve sua licença de voo

TRAGÉDIA AÉREA NOS ALPES
Vídeo da Airbus que explica o funcionamento da cabine dos aviões.

O piloto do avião a Lubitz: “Pelo amor de Deus, abre essa maldita porta!”

O jornal Bild reconstrói, a partir do áudio recuperado da caixa-preta, tudo o que aconteceu na cabine antes da queda do avião

TRAGÉDIA AÉREA NOS ALPES

À procura de um culpado

A sociedade precisa de respostas, mas não devemos apontar para as doenças mentais. Jamais saberemos o que pensava o copiloto

TRAGÉDIA AÉREA NOS ALPES
Andreas Lubitz, correndo uma maratona em setembro de 2009.

Copiloto tinha problemas de visão e deveria renovar sua licença em junho

Jovem Andreas Lubitz, de 27 anos, parecia ter tudo, mas escondia segredos e já teve permissão para voar retirada antes

Tragédia Aérea nos Alpes
Investigadores deixam a casa do copiloto.

Copiloto ocultou que estava em tratamento médico e tinha atestado

Investigadores não acharam nenhuma carta justificando a ação. Andreas Lubitz tinha atestado para não trabalhar no dia da tragédia

Editoriais

Diante do vazio

Comoção depois de saber que o avião foi derrubado deliberadamente pelo copiloto

Tragédia Aérea
Militares de Cingapura durante a busca do voo de Malaysia Airlines MH370.

Cinco casos de aviões derrubados propositalmente por seus pilotos

Autoridades do Egito e da Indonésia nunca confirmaram a causa dos acidentes com os voos da EgyptAir, que caiu no Atlântico em 1999, e da Silkair, em 1997

Avião Germanwings
Andreas Lubitz em seu perfil do Facebook, já apagado.

Andreas Lubitz, o mistério de um piloto “impecável”

Apontado como responsável por tragédia tinha 27 anos e era de Montabaur (Alemanha). Polícia fez busca na casa de sua família

Tragédia aérea nos Alpes
Vídeo da Airbus que explica o funcionamento da cabine dos aviões.

Duas falhas ou uma intenção podem bloquear a porta da cabine

Peritos tentam explicar por que um dos pilotos do GWI9525 ficou de fora no momento do desastre e não conseguiu entrar

Tragédia Aérea
Andreas Lubitz, o copiloto do avião da Germanwings.

Copiloto derrubou o avião de propósito, diz promotor francês

Responsável pela investigação sobre a queda do Airbus A320 diz que a cabine foi trancada de propósito com o piloto do lado de fora e que o copiloto quis destruir o avião. 150 pessoas morreram

Tragédia aérea nos Alpes
Área onde caiu o avião, na França.

Piloto estava fora da cabine na hora do desastre, segundo o ‘New York Times’

Fonte relata ao jornal que as gravações da caixa-preta mostram que um dos dois pilotos saiu da cabine e não conseguiu voltar

Tragédia Aérea
O ministro francês do Interior, Bernard Cazeneuve.

Equipe de resgate recupera os primeiros restos das vítimas

Governo eleva para 51 o número de pessoas com nacionalidade espanhola no avião que caiu na França com 150 pessoas

O acento

Ódio na Rede

O Twitter não pode se transformar em um reduto de impunidade para crimes contra os direitos fundamentais

Tragédia aérea na França
Altar no colégio de Haltern, de onde eram as duas professoras e 16 jovens mortos no acidente.

Haltern, a cidade alemã que perdeu 16 adolescentes e 2 professores

Escola reabre com sessão de apoio para alunos O importante é que nos apoiemos uns aos outros. É a única forma de sair dessa”

Tragédia aérea na França
Fotografia divulgada pelo organismo francês de Investigação de Acidentes (BEA), de uma das caixas-pretas do Airbus A320.

Como funcionam as caixas-pretas?

Estes dois dispositivos são fundamentais para se conhecer as causas de um acidente e são obrigatórios desde a década de 60

ACIDENTE DA GERMANWINGS
O diretor do Bureau de Pesquisas e Análises (BEA) da França, Rémi Jouty, durante entrevista coletiva.

Investigação descarta explosão do avião durante o voo

“O tamanho dos fragmentos não é compatível com um estouro anterior ao impacto”, indica o porta-voz da investigação

Editoriais

Tragédia aérea

150 mortos, 45 possivelmente espanhóis, num duro golpe para a aviação europeia