Segundo premeio do concurso de Donestagram. Manila (Filipinas).

Fotografias pelos olhos de um drone

Dronestagram é uma rede social com imagens e vídeos capturados por aviões não tripulados

Eskil Ronningsbakken pedala sobre o abismo.

Flertando com a morte

O equilibrista norueguês Eskil Ronningsbakken vive suspenso a alturas vertiginosas: a fotografia o imortaliza

Candice Huffine, por Steven Meisel.

Provocação e tamanhos grandes no calendário Pirelli

O fotógrafo Steven Meisel e a estilista Carine Roitfeld incluem a modelo XL Candice Huffine na edição de 2015

'O beijo da libertação', foto de 15 de agosto de 1944 em Saint-Briac-sul-Mer (França).

A última testemunha da Normandia

Tony Vaccaro, que fotografou a ofensiva final na II Guerra Mundial, revive cenas do conflito O ítalo-americano chegou ao conflito como soldado e saiu como jornalista

Esta imagem de um soldado posando com uma câmera em um tripé foi feita entre 1914-15 por um fotógrafo anônimo, e foi impressa como um cartão postal. Os soldados de ambos os lados da Primeira Guerra Mundial tiraram muitas fotos com entusiasmo, que em muitos casos podiam revelar, imprimir e inclusive comercializar nas trincheiras, e depois enviá-las às suas casas. O uso dos quartos escuros nas linhas de batalha estava mais restrito entre os britânicos, cujo governo desde o princípio quis manter o controle das imagens de guerra. Com frequência os soldados criavam seus próprios álbuns com postais de fotos tiradas pelos companheiros.

Câmeras nas trincheiras

Foto de soldados alemães e britânicos na Bélgica durante a Trégua de Natal de 1914.

Os outros disparos

A fotografia explodiu nas trincheiras, onde milhões de soldados documentaram sua rotina, a camaradagem e a experiência da guerra em seus álbuns particulares do conflito

Gordon Willis e Woody Allen durante as filmagens de 'Manhattan'.

Morre Gordon Willis, diretor de fotografia de ‘O Poderoso Chefão’

O Príncipe da Escuridão como era chamado, iluminou a saga de Francis Ford Coppola Também colaborou em oito longas de Woody Allen, entre eles 'Manhattan' e 'Memória'

O ator Alec Baldwin, à direita, briga com um fotógrafo numa rua de Nova York, em agosto passado.

Alec Baldwin, a estrela mais odiada de Nova York

Embora sua vida pessoal vá de vento em popa, o ator reconhece que seu último ano foi “uma grande cagada” Aos contínuos atritos com os ‘paparazzi’, incluindo surras e insultos homofóbicos, soma-se agora um chilique dele com a polícia de Manhattan

Hollande com os jornalistas libertados e os filhos de um deles.

Os jornalistas libertados na Síria: “Foi difícil, os combates estavam bem perto”

Os quatro profissionais, que foram recebidos em Paris por suas famílias e o chefe do Estado da França, relatam o seu cativeiro em poder de um grupo de jihadistas europeus

Os mestres se revelam a toda cor

Novas descobertas revelam as incursões cromáticas de grandes nomes da fotografia em preto e branco como Capa e Brassaï

Cada foto de Vivian Maier mergulha no segredo dela, em vez de dissipá-lo.

Em busca de Vivian Maier

Um documentário descobre os tesouros desta fotógrafa incansável dedicada a cuidar das crianças

Foto cedida pela agência AP da fotógrafa Anja Niedringhaus.

A fotógrafa do horror

Anja Niedringhaus, primeira fotógrafa alemã ganhadora do Pulitzer, retratou as guerras do Iraque, Afeganistão e Iugoslávia

Um homem fuma um charuto na loja de cigarros 'Dominicon' em Manhattan, dia 18 de março de 2014.

Nova York através de um iPhone

Tem 27 anos e sempre sonhou em ser fotógrafo de natureza. Suas referências eram os profissionais de revistas como 'National Geographic'. No entanto, mudou de ideia depois de uma visita ao Peru em 2010. Foi só. E ficou tão marcado que desde então não concebe viajar em companhia. “Fui crescendo como fotógrafo e me foi interessando cada vez mais a imagem de aventura e social. E, sobretudo, se envolver com as pessoas”, explica. Começou a estudar para tornar-se profissional em 2010, mas dois anos depois abandonou. O que sabe é por ser puro autodidata. Nesta cena, José Antonio joga com umas crianças em um bairro ilegal de favelas de Lima. Nas seguintes, comenta em primeira pessoa uma série de retratos que tomou de menores bolivianos nas ruas de Potosí, na Bolívia. Obras que falam do que capta e dele mesmo como artista e pessoa.

Os garotos mendigos de Potosí

Saciido Sheik e sua filha Faadumo Subeer, de 34 e 13 anos, respectivamente, em sua casa em Mogadício (Somália). Saciido queria ser uma mulher de negócios, estudou até os 20 anos e agora dirige uma pequena empresa. Faadumo gostaria de ser médica.

Sonhos de mães e filhas

Marilyn Monroe.

Um salto com Philippe Halsman!

O retratista judeu fotografou dezenas de celebridades para a revista ‘Life’ Uma exposição na Suíça mostra 300 fotos do homem que conseguiu fazer Marilyn Monroe pular

O autor desta foto é desconhecido. Mas teve a virtude de, num flash, caçar seus colegas caçadores de imagens. O instantâneo foi tomado da porta do avião que conduzia a Roma a exuberante e desejada (pelos paparazzi, mas não só) atriz sueca Anita Ekberg. Corria o verão de 1959.

Os paparazzi se refugiam no museu

Uma exposição no Pompidou de Metz avalia a influência da foto roubada no cânone estético contemporâneo. Mais de 600 obras integram a mostra

Na imagem, Kate Moss na Fashion Week, em Paris, 1992.

Artistas da caça

“Para a fotografia, tem que saber experimentar o prazer de esperar”

Se uma palavra pode definir o trabalho de Sebastião Salgado, essa é a “épico”. Para narrar a natureza, para reivindicar e testemunhar as mudanças econômicas, sociais, em escala global. Levou oito anos percorrendo o mundo para mostrar-nos em 'Gênesis' uma obra digna do olho de Deus

FOTCIENCIA, é o concurso de fotografia científica promovido pela Consejo Superior de Investigaciones Científicas (CSIC) e la Fundación para la Ciencia y la Tecnología que pretende aproximar a ciência dos cidadãos por meio de uma visão artística e estética. O primeiro vencedor da categoria geral, 'Corrossão digital', a imagem mostra o efeito da água sanitária no dedo indicador de um cadáver, que previamente tinha sido preenchido com com látex negro.

Quando a ciência vira arte

Sheila, Isabel e três vendedores ambulantes senegaleses.

Coleção de beijos

Sheila, Isabel e três senegaleses.

Dá-me um beijo

O projeto Coleção de Beijos consegue reunir quase três mil imagens de gente que se beija, um recorde mundial

A fotografia do norte-americano John Stanmeyer, ganhadora do World Press Photo.

Uma foto sobre a emigração ganha o World Press Photo de 2013

A imagem do norte-americano John Stanmeyer foi publicada pela revista National Geographic Um grupo de pessoas aparece buscando sinal para seus celulares na costa de Djibuti, África

Retrato de Henri Cartier-Bresson assinado por George Hoyningen-Huene na foto do cartaz da exposição do Pompidou. A foto foitirada em Nova York em 1935 e pertence ao MoMa.

Henri Cartier-Bresson, para além do ‘instante decisivo’

Martine Franck, segunda esposa do artista, fotografada em 1967.

Cartier-Bresson, o retrato de um século

O Pompidou resgata, em uma retrospectiva, o compromisso e a poesia do grande fotógrafo francês

Comparação da agência AP entre fotos de Fidel originais e manipuladas.

As fotos manipuladas de Fidel Castro

A agência AP decide eliminar de seu arquivo sete imagens cedidas pelo Governo cubano e que haviam sido alteradas

Para matar o tédio entre foto e foto dos suspeitos, este agente da Stasi se imortalizou em um autorretrato.

O portfólio secreto da Stasi

A temida espionagem da RDA acumulou dois milhões de fotografias de suas missões O artista alemão Simon Menner mergulhou nos arquivos para documentar seu modo de atuar