Sergio Moro, Jair Bolsonaro e General Heleno no desfile de 7 de setembro.

Bolsonaro rebate onda impopular com Moro, Edir Macedo e Silvio Santos em desfile

Presidente aproveita ato de 7 de setembro para espantar momento crítico de aprovação abaixo dos 30% e de atritos com ministro da Justiça. Ato isolou opositores e seguiu protocolo, embora presidente tenha caminhado entre o público

Jair Bolsonaro durante encontro com o presidente chileno Sebastian Pinera no Palácio da Alvorada Palace, no dia 28 de agosto

Reprovação de Bolsonaro sobe e aprovação cai, aponta Datafolha

38% considera o Governo ruim ou péssimo. Pesquisa também mostra que 44% dos entrevistados afirma que nunca confia no que o presidente fala

Pesquisa Datafolha aponta para país dividido e aumento da reprovação a Bolsonaro

Porcentagem de pessoas que consideram o Governo de Bolsonaro ruim ou péssimo subiu três pontos percentuais, de 30% para 33%

Bolsonaro chega nesta quinta em Osaka para a reunião do G20.

Mulheres e mais pobres impulsionam desaprovação do Governo Bolsonaro

Metade da população não confia no presidente, afirma pesquisa CNI-Ibope divulgada nesta quinta. Parcela dos que avaliam gestão como ruim ou péssima cresce cinco pontos

Presidente Jair Bolsonaro durante cerimônia no dia 18 de abril.

Avaliação positiva do Governo Bolsonaro oscila para 35%, segundo Ibope

27% avaliam como ruim ou péssima a gestão, e outros 31% como regular. Números variam pouco em relação à pesquisa anterior quando a aprovação do Governo sofreu queda de 15 pontos

Luzineia Souza, hostess do Mocotó, na Vila Medeiros (São Paulo).

O restaurante mais pop de São Paulo fica no bairro onde não tem nada para fazer

Três funcionários do Mocotó contam ao EL PAÍS como é viver na Vila Medeiros, um dos cinco distritos da capital paulista onde não há nenhum aparelho cultural: “Moro em São Paulo, mas nunca fui a um teatro ou museu”

Bolsonaro cumprimenta apoiadores neste domingo.

Bolsonaro, pressionado por queda recorde de popularidade em pesquisa

Números do Datafolha, como os do Atlas Político publicados no EL PAÍS no dia 3, mostram empate triplo na avaliação do Governo. Cifras devem complicar vida do Governo no Congresso

Bolsonaro durante visita aos EUA.

Aprovação de Bolsonaro cai 15 pontos e é a pior da série histórica do Ibope

Pesquisa aponta 34% de avaliação positiva, menos que FHC, Lula e Dilma em primeiro mandato

Homem tira foto com Bolsonaro em supermercado suíço.

Escândalo acende alerta para clã Bolsonaro nas redes sociais

Análise da interação no Twitter mostra impacto do caso envolvendo Flávio e reação da família. Crise precoce e opinião pública em desalinho com pauta mais radical aumenta dependência da economia

Marta Lagos, diretora do instituto de pesquisas Latinobarómetro, na segunda-feira passada em Madri.

“Bolsonaro pode ser visto como a ruptura que a política brasileira precisa para ser reformada”

Chilena que dirige o Latinobarómetro acredita que a persistência na América Latina de uma classe baixa que não progride explica a eleição de líderes autoritários como o novo presidente do Brasil

Policial carrega urna eletrônica no Rio Negro, em Manaus.

Haddad reduz diferença para favorito Bolsonaro e eletriza reta final da campanha

Nos votos válidos, diferença é de dez pontos no Datafolha e de oito pontos no Ibope

Camisetas com motivos políticos, no Rio de Janeiro.

As opiniões que unem e separam os eleitores de Bolsonaro e Haddad

A maioria dos dois lados é contra privatizações e a favor da manutenção de programas sociais. Maiores discordâncias são em relação a porte de arma e reforma trabalhista, indicam pesquisas

Datafolha: Haddad sobe e diferença para Bolsonaro cai cinco pontos nos votos totais

Nos votos totais, deputado tem 48% contra 38% de petista. Há 6% de indecisos e 8% de brancos e nulos. Nos votos válidos, placar é 56% X 44%

Haddad e Bolsonaro.

Bolsonaro oscila para baixo e marca 50% enquanto Haddad vê rejeição cair

Segundo Ibope, candidato de extrema direita tem primeira mudança negativa desde o início do segundo turno. Nos votos válidos, disputa está 57% a 43%

Candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

73% querem Bolsonaro em debates, mas candidato anuncia que não irá

Dado é de pesquisa Datafolha, que mostrou cenário estável, com candidato do PSL com 59% dos votos válidos contra 41% de Fernando Haddad

Jair Bolsonaro e Fernando Haddad.

Ibope: Bolsonaro alcança 52% nos votos totais, contra 37% de Haddad

É a primeira pesquisa do instituto no segundo turno. Nos votos válidos, candidato de extrema direita tem 59% contra 41%

Bolsonaro e Haddad no domingo da votação.

Datafolha mostra Bolsonaro com 49% contra 36% de Haddad na primeira pesquisa do segundo turno

Considerando os votos válidos, deputado do PSL tem 58%, com vantagem de 16 pontos

Bolsonaro e Haddad após votarem neste domingo.

Boca de urna do Ibope indica segundo turno entre Bolsonaro e Haddad

O deputado do PSL aparece com 45% dos votos, enquanto o petista tem 28%. Ciro Gomes apareceu com 14%, Alckmin com 4% e João Amoêdo com 3%

Datafolha: Bolsonaro tem 40% dos votos válidos e Haddad marca 25%. Ciro tem 15%

No Ibope, o candidato de extrema direita tem 41%. Para vencer no primeiro turno, é preciso ter mais de 50% dos votos válidos

Candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

Datafolha: Bolsonaro chega a 35% enquanto Haddad tem 22%

O candidato de extrema direita do PSL bate 39% dos votos válidos e embala seguidores a buscar vitória no primeiro turno

Janela em São Paulo com cartaz em apoio a Bolsonaro.

Ibope mostra cenário estável no primeiro turno. No segundo, só Ciro bate Bolsonaro

Segunda pesquisa do instituto na semana mostra capitão reformado do Exército com 32% contra 23% de Haddad

Jair Bolsonaro, Fernando Haddad no debate da Rede TV.

Datafolha confirma alta de Bolsonaro, que agora empata com Haddad no segundo turno

Candidato de extrema direita vai de 28% para 32%, enquanto petista oscila um ponto para baixo

Fernando Haddad faz campanha em Canoas, no Rio Grande do Sul, nesta sexta-feira.

Datafolha confirma ascensão de Haddad e aponta empate entre Ciro e Alckmin

Jair Bolsonaro segue liderando, mas pesquisa aponta mesma tendência de estabilidade do Ibope. No segundo turno, como têm mostrado outros levantamentos, o candidato do PSL perderia para o petista

Fotografias de arquivo de Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT)

CNI/Ibope confirma tendência de estagnação de Bolsonaro e Haddad isolado em segundo lugar

Candidato do PSL aparece com 27% das intenções de voto e o petista, com 21%. É a primeira pesquisa desta série desde junho, antes do início da campanha

Os candidatos Jair Bolsonaro e Fernando Haddad.

Pesquisa Ibope: Bolsonaro estanca em 28% e Haddad encurta distância e vai a 22%

É a primeira vez desde 20 de agosto que candidato do PSL não oscila positivamente. Rejeição de deputado federal também tem alta, de 42% a 46%

Campanha de Fernando Haddad (PT) celebra resultado de pesquisa Ibope no Facebook.

Profusão de pesquisas eleitorais acirra a disputa à Presidência da República

Institutos contratados por empresas financeiras tornam a cobertura das tendências praticamente diária. Além de guiar voto útil, índices de intenção de voto podem ajudar a impulsionar ou arrasar campanhas