Eduard Limonov na terça-feira, na praia valenciana de El Saler.

“Putin era um ‘playboy’, mas entendeu o peso do Estado russo”

O escritor russo Eduard Limonov relata em ‘Kniga Vody’ suas aventuras amorosas, literárias e militares. Sua fama cresceu graças à obra que Emmanuel Carrère lhe dedicou

Detalhe da série de imagens 'Dirigentes', de Daniel G. Andújar.

Democracia sem heróis

Filmes sobre ditadores, paródias islâmicas... Cresce a fascinação pelo extremismo político