Rompimento da barragem deixou rastro de destruição que se estendeu até o litoral,.

Uma denúncia para cobrar punição pelos mortos no desastre de Mariana

Procuradores pedem à Justiça que executivos da Samarco, Vale e BHP respondam por homicídio Ministério Público quer que empresas sejam julgadas também por 12 tipos de crime ambiental

Momento em que os rejeitos chegaram ao mar

Comissão Interamericana denuncia Brasil à OEA por tragédia em Mariana

Outros 13 casos de violações de direitos humanos por causa da atividade mineradora são mencionados

Seis meses depois da lama da Samarco, comunidades do Rio Doce lutam por justiça

Agência Pública acompanhou caravana de movimentos sociais Encontrou comunidades desestruturadas e ribeirinhos sem fonte de renda

Distrito de Bento Rodrigues foi devastado após rompimento da barragem de Fundão.

Procuradoria pede 155 bilhões de Samarco, Vale e BHP por danos em Mariana

Além de cobrar empresas, MPF quer responsabilizar Governo Federal e Estados de Minas e do Espírito Santo

Homem carrega caixão de Emanuele, 5, vítima da tragédia.

Diretores da Samarco serão indiciados por mortes na tragédia de Mariana

Polícia Civil ainda vai definir se o crime será enquadrado como doloso ou culposo. Ao todo, 17 morreram

Novo presidente da Samarco, Roberto Carvalho.

Sob pressão, Samarco negocia pagar 20 bilhões por desastre de Mariana

Pacto pode ser primeiro passo para empresa conseguir licença para voltar a operar

Localidade Bento Rodrigues devastada pelo rompimento da barragem de Fundão.

PF indicia Samarco e Vale por tragédia em Mariana

Entre os indiciados nesta quarta está o diretor-presidente da Samarco, Ricardo Vescovi

Bombeiros em Mariana no dia 8 de novembro.

Izabella Teixeira: “O acidente de Mariana está vivo”

Governo ainda cobra plano de recuperação da empresa Samarco para a bacia do Rio Doce

Biólogos e pescadores tentam salvar algumas espécies.

Tsunami de lama tóxica, o maior desastre ambiental do Brasil

Barragem de mineradora faz estragos no rio Doce e põe em risco todo um ecossistema

Destruição em Bento Rodrigues, Mariana (Minas Gerais), após rompimento de uma barragem da mineradora Samarco.

Anotações sobre um ano difícil

A sensação é de que estivemos cavalgando uma montanha-russa, não em um aprazível parque de diversões, mas à beira de um precipício

As principais buscas realizadas pelos brasileiros no Google

O que foi 2015 para os brasileiros segundo as pesquisas no Google

O buscador divulgou sua lista anual dos assuntos mais pesquisados pelos usuários Assim foi como o EL PAÍS te contou cada um deles

Depois de 17 dias e 700 quilômetros percorridos, a lama liberada pelo rompimento da barragem da mineradora Samarco, controlada pela Vale e pela BHP, chega à foz do Rio Doce, na altura da cidade de Linhares (ES), em 21/11.

O ano de inferno astral das gigantes brasileiras Petrobras e Vale

Petroleira e mineradora enfrentaram, além da queda do preço das commodities, o desafio de recuperar imagem das companhias

O #ForaCunha embaralha o jogo do impeachment nas redes sociais

Rejeição a Eduardo Cunha impede polarização imediata tradicional PT e anti-PT Reputação de presidente da Câmara é usada por governistas para enfraquecer movimento

Captação de água afetada pela lama em Minas.

Mariana: um mês da tragédia e anos à frente para garantir reparação total

Mais de 500 atingidos continuam em hotéis esperando solução definitiva na região Casos no Brasil e exterior mostram demora no ressarcimento ambiental e de vítimas

Marina Silva neste domingo.

Marina Silva vai conseguir conquistar a confiança de todos os brasileiros?

O Brasil precisa de um punhado de sonhos para que os velhos lobos, que ameaçam qualquer tentativa de renovação, não lhe roubem a esperança

Dilma Rousseff nesta segunda em Paris.

Em Paris, Dilma responsabiliza Samarco pelo desastre do Rio Doce

Presidenta disse que rompimento da barragem é o maior desastre ambiental do Brasil

Lama deixou rastro de destruição em Bento Rodrigues.

A lama

Com o rompimento da barreira entre metáfora e concreto, a catástrofe torna o Brasil irrepresentável

Rejeitos da barragem de Fundão chegaram ao mar do Espírito Santo.

Governo quer 20 bilhões de Vale, BHP e Samarco por tragédia de Mariana

Cobrança será feita em ação civil públia movida por União, Minas Gerais e Espírito Santo Dinheiro irá compor fundo para as despesas de recuperação dos danos e revitalização

Diretor-presidente da Vale, Murilo Ferreira.

Vale se esquiva de responsabilidade em Mariana e promete fundo para rio

Companhia, acionista da mineradora Samarco, não informou quanto pretende investir

Depois de 17 dias e 700 quilômetros percorridos, a lama liberada pelo rompimento da barragem da mineradora Samarco chegou à foz do Rio Doce, na altura da cidade de Linhares (ES), pela primeira vez no sábado, dia 21/11.

Lama de barragem da Samarco chega ao mar

Localidade de Bento Rodrigues devastada após rompimento de barragem.

Menos de 3% das multas ambientais cobradas no Brasil são pagas

Empresas poluidoras ou responsáveis por desastres protelam pagamento por meio judicial

Homem carrega caixão de Emanuele, 5, vítima da tragédia.

“Lama de Mariana pavimentou rios por onde passou. Dano é irreversível”

Responsável por monitorar impacto de mineração em Minas descreve prejuízos ambientais Ele diz que não há como retirar rejeitos e alerta que chuvas podem piorar situação

A lama de rejeitos que invadiu o Rio Doce matou centenas de peixes.

Sebastião Salgado: “É a maior tragédia ambiental do Brasil. Mas tem solução”

Fotógrafo luta por fundo que compense perdas e recupere região, o que pode levar 20 anos

Manifestantes fizeram um protesto simbólico nesta segunda-feira, inundando de barro parte da sede da mineradora Vale, no Rio de Janeiro.

Manifestantes protestam na sede da Vale e cobram punição por desastre

O Rio Doce no dia 12 de novembro, depois do desastre em Mariana.

O assassinato das mineradoras

O Estado mostrou incapacidade de proteger a população no desastre de Mariana

Ativistas protestam contra desastre de Mariana na sede da Vale no Rio.

Samarco cita risco de rompimento e diz que não é hora de pedir desculpas

Segundo a mineradora, duas barragens estão passando por manutenções de urgência

Casa atingida pelo mar de lama em Mariana.

O desastre em Minas e a construção de segurança hídrica no Brasil

O rompimento das barragens em Mariana escancara a situação de absoluta insegurança hídrica em que o Brasil se encontra