O presidente colombiano perde a cômoda vantagem em busca da reeleição

Os números nas pesquisas favorecem um candidato adversário na reta final das presidenciais Tudo aponta para um acirrado segundo turno entre os movimentos santista e uribista