Bill Gates. 90,6 bilhões de dólares (295 bilhões de reais). Nasceu em Seattle (Estados Unidos) em 1995. Casado com Melinda Gates e pai de três filhos, fundou a Microsoft em uma garagem com Paul Allen e a transformou na maior empresa de tecnologia do mundo. No final dos anos 90 começou a se desligar da empresa e hoje realiza atividades filantrópicas, mas em 2016 sua fortuna continua sendo a maior do mundo, segundo a Bloomberg.

Quem são e o que fazem as 15 pessoas mais ricas do mundo

Quase todos são homens, a maioria construiu sua fortuna do zero e os mais jovens fizeram fortuna com tecnologia. Assim são os mais abastados do planeta e assim são suas fortunas em 31 de dezembro de 2016 segundo o ‘ranking’ elaborado pela Bloomberg em tempo real

Lista da Forbes 2016
O brasileiro Jorge Paulo Lemann, junto a sua esposa em julho de 2015.

Só há cinco latino-americanos entre as 100 maiores fortunas

Lemann, com um patrimônio de 28 bilhões de dólares, é o homem mais rico do Brasil, mas está em 19º na lista da revista Forbes

lista de milionários
Jorge Paulo Lemann, sócio da 3G Capital

Brasil perde oito bilionários de acordo com lista da revista Forbes

Empresário Jorge Paulo Lemann é o brasileiro mais rico do mundo segundo a publicação. Bill Gates ainda lidera o ranking

AMAZON
Jeff Bezos, fundador da Amazon.

A escalada da Amazon coloca Jeff Bezos entre os mais ricos do mundo

A revalorização da empresa duplicou as riquezas de seu fundador. Dono da Zara se consolidou como segundo lugar no mundo

CARLOS SLIM
O ex-primeiro-ministro espanhol Felipe González (d) fala com o empresário Carlos Slim pouco antes da entrega do título Doutor Honoris Causa ao ex-presidente do Uruguai, Julio Maria Sanguinetti, pela Universidade de Alicante.

Slim propõe trabalhar 33 horas e três dias por semana contra o desemprego

Empresário mexicano denuncia que as prisões ibero-americanas estão cheias de inocentes detidos por serem pobres

Educação

Um professor com 26 milhões de alunos

Salman Khan agitou o mundo da educação com aulas em vídeo e exercícios grátis na Internet. Seu método cativou o Google, Bill Gates e Carlos Slim

Donald Trump
Donald Trump nesta segunda-feira em Chicago.

Slim e Televisa boicotam Donald Trump por insultos xenófobos

Magnata mexicano e rede de TV rompem relações com empresário por insultar latinos. Univisión e NBC também romperam relações

reforma energética do México
O milionário mexicano Carlos Slim.

Carlos Slim tenta conquistar o mercado petrolífero do México

O magnata mexicano vê oportunidade na reforma energética do país e funde duas empresas que prestavam serviços à Pemex

Telecomunicações
O magnata mexicano Carlos Slim, em Gênova, em 2012.

O dilema do magnata Carlos Slim

Entrada da AT&T no mercado das telecomunicações mexicano complica o plano de desinvestimento da América Móvil

Mídia
Edificio do diário em Nova York.

Carlos Slim, o primeiro acionista individual do ‘New York Times’

Segundo homem mais rico do mundo depois de Bill Gates, magnata mexicano aumenta participação de 8% para 16,8%. Família Sulzberger continua no comando do jornal

Esther Koplowitz, principal acionista do Grupo FCC.

FCC negocia a entrada de Slim depois de romper negociação com Soros

O magnata norte-americano ia converter-se em acionista de referência com um investimento a mais de 500 milhões de euros

César Alierta no conselho de acionistas da Telefônica.

A Telefônica quer reinar no Brasil

O grupo de César Alierta, depois de adquirir 50% da Vivo, quer comprar a GVT para liderar o maior mercado da América Latina

Um escritório da Telmex, de Carlos Slim.

Carlos Slim recomenda jornadas de três vezes por semana e onze horas por dia

O bilionário mexicano declarado o homem mais rico do mundo pela Forbes diz acreditar que com o sistema sobraria tempo “para a família ou para inovar”

O bilionário mexicano Carlos Slim.

Slim desmembra seu império no México por pressão de Peña Nieto

A companhia telefônica toma a decisão para deixar de ser um “agente econômico preponderante”. A operação pode render mais de 15 bilhões de dólares

O México aprova a reforma que limita o poder de Slim e da Televisa

Peña Nieto abre o mercado das telecomunicações e permite a entrada de concorrentes no setor, dominado por dois gigantes

Peña Nieto com crianças Tarahumaras em 2 de junho.

Tudo pronto para o México decolar

O maior desafio da agenda econômica de Peña Nieto é promover o crescimento através das mudanças legislativas

Carlos Slim, de casaco preto e camisa branca, no camarote do León.

No México, Carlos Slim é o dono da bola

O magnata vence na liga mexicana de futebol antes mesmo de jogar os dois times que se enfrentam (León e Pachuca) pertencem a ele

O órgão regulador mexicano obriga as empresas de Slim a baixar suas tarifas

Telcel e Telmex terão de reduzir o preço que cobram das rivais para utilizar suas redes

Slim vai à Justiça contra lei mexicana que limita o poder de suas empresas

Inbursa e Carso recorrem da decisão do Governo mexicano de regular a prevalência do conglomerado de telecomunicações

O México impõe um golpe histórico à Televisa

A agência reguladora de telecomunicações obriga a empresa a compartilhar sua infraestrutura com outras companhias e a proíbe de transmitir com exclusividade eventos como Copas e Olimpíadas

México licita pela primeira vez na história duas novas cadeias de televisão

A América Móvil, de Carlos Slim, e o Grupo Televisa serão notificados se constituem “agentes preponderantes”

Reaviva a guerra das telecomunicações no México

A indústria começa a se estressar à espera da legislação que regulará o setor no país

Bill Gates, em uma foto de arquivo.

As fortunas de Gates e Sheldon Adelson são as que mais cresceram em 2013

O fundador da Microsoft bate Carlos Slim como o mais rico, segundo dados da Bloomberg