PROTESTOS ANTIRRACISTAS NOS EUA

Minuto a minuto, a detenção e morte de Rayshard Brooks por policiais de Atlanta

Vídeos das câmeras de vigilância e gravados por testemunhas permitem reconstruir a cena

Vídeo divulgado pelo Departamento de Investigações da Geórgia sobre a detenção e morte de Rayshard Brooks (legendas em espanhol)FOTO: GEORGIA BUREAU OF INVESTIGATION

O policial branco Garrett Rolfe matou com um tiro nesta sexta-feira o homem negro Rayshard Brooks, de 27 anos, no estacionamento de uma lanchonete na zona sul de Atlanta. O fato ocorre em meio a uma onda de protestos contra a brutalidade policial em relação aos negros nos Estados Unidos. O The New York Times cronometrou e analisou o ocorrido com base nos vídeos das câmeras de vigilância da lanchonete da rede Wendy’s aos quais teve acesso, alguns divulgados pelo Departamento de Investigações da Geórgia e outros publicados nas redes sociais por testemunhas presenciais. Todos os horários se referem à hora local (uma hora a mais em Brasília).

22h33. A Polícia de Atlanta recebe na sexta-feira, 12 de junho, uma chamada denunciando a presença de um homem adormecido dentro de um carro que bloqueia a fila no drive-thru do Wendy’s, segundo o Departamento de Investigações da Geórgia.

22h54. O agente Devin Brosnan já está no local quando Garrett Rolfe chega em um veículo policial. Ambos se aproximam de Rayshard Brooks e lhe submetem a um teste, que inclui caminhar reto pela rua para determinar se está sóbrio.

Mais informações

23h22. Brooks não passa o teste de sobriedade, segundo o Departamento de Investigações da Geórgia, e os agentes tentam detê-lo. Ele resiste, e os três lutam no chão. Brooks tira uma pistola elétrica do agente Brosnan, golpeia o rosto do outro policial e consegue escapar.

Rolfe sai correndo atrás de Brooks e dispara com sua pistola elétrica. Depois, tira do bolso a pistola com munição real. Quando o jovem negro abre certa distância, se vira e dispara a pistola elétrica, aparentemente sem nenhuma precisão. O agente Rolfe lhe dispara três vezes com munição real, e Brooks cai ao chão.

23h23. Os agentes param junto a Brooks, que está ferido, mas se mexe no chão. O agente Brosnan parece usar seu rádio. Outro veículo policial chega ao local.

23h24. Outro vídeo mostra o agente Rolfe correndo de volta ao seu carro de patrulha e pedindo ajuda por rádio. As testemunhas presenciais denunciam disparos de um terceiro policial que estava no local. Esse vídeo não foi divulgado publicamente.

23h25. Os agentes Rolfe e Brosnan começam a prestar socorro a Brooks. Rolfe parece desenrolar uma atadura e colocá-la no torso do homem. Esse vídeo não foi divulgado publicamente.

23h30. Uma ambulância chega ao local. Oito minutos depois, Brooks é levado a um hospital, onde morre depois de uma cirurgia. Esse vídeo não foi divulgado publicamente.

O agente Garrett Rolfe, que trabalhava desde 2013 no Departamento de Polícia de Atlanta, foi demitido, e o outro policial envolvido, Devin Brosnan, será relegado a trabalhos administrativos. Menos de 24 horas depois do fato, a chefa de polícia de Atlanta, Erika Shields, renunciou ao seu cargo.

Mais informações

O mais visto em ...

Top 50