Incêndio no CT do Flamengo, as últimas notícias

Fogo atingiu o alojamento do Ninho do Urubu, na zona oeste do Rio, e deixou ao menos dez mortos. Presidente do Flamengo diz que é "a maior tragédia pela qual o clube passou"

Torcedores se emocionam ao prestar homenagem às vítimas no CT do Flamengo.Foto: Ricardo Moraes/Reuters | Vídeo: TV GLOBO (atlas)
Mais informações
O drama das categorias de base no futebol brasileiro
Os dez garotos do Ninho do Urubu, o futuro interrompido do futebol brasileiro

Um incêndio no Ninho do Urubu, como é conhecido o Centro de Treinamento do Flamengo, na zona oeste do Rio de Janeiro, deixou ao menos dez mortos e três feridos nesta sexta-feira, 8 de fevereiro. As chamas atingiram o alojamento do CT na madrugada, onde dormiam atletas entre 14 e 17 anos. Toda as vítimas eram jovens jogadores das categorias de base do Flamengo. De acordo com os Bombeiros e com a Defesa Civil, o local não possuía todas as autorizações e certificados para operar. O Ministério Público do Trabalho e Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro entrarão medida cautelar para garantir que todas as famílias das vítimas no incêndio sejam indenizadas pelo Flamengo. A tragédia causa comoção em times de futebol e entre jogadores do mundo todo. As causas do incêndio vão ser investigadas pela polícia.

Os destaques da cobertura sobre o incêndio no Ninho do Urubu:

Acompanhe as notícias sobre o incêndio no CT do Flamengo:

Marina Novaes

CEO do Flamengo nega "puxadinho" e liga temporal na véspera a possível causa

O CEO do Flamengo, Reinaldo Belotti, fez um pronunciamento após uma longa reunião com outros dirigentes do clube, na tarde deste sábado.  Segundo o dirigente flamenguista, a suspeita é que o incêndio no alojamento do CT do clube tenha começado com uma pane no ar condicionado provocada por picos de energia elétrica, supostamente causado pelo temporal --que ele chamou de "quase furacão"-- que devastou parte do Rio de Janeiro na noite da última quinta-feira, véspera da tragédia no Ninho do Urubu. 

"Nós tivemos quedas de postes na região suposição existente agora é que esses picos de energia tenham influenciado no funcionamento regular do ar condicionado e ocasionado o princípio de incêndio", afirmou. Belotti disse que a falta de licenças não tem relação com o incêndio e que as instalações estavam em perfeito estado. "Não estamos falando de um puxadinho, nós estamos falando de um alojamento", afirmou. "Esse alojamento foi fiscalizado e aprovado pela FERJ e CBF". "

"A nossa prioridade continua sendo atender os familiares das vítimas, os atletas que estnao feridos e aqueles que foram enviados para casa. Paralelamente a isso, estamos trabalhando para brevemente saber o que aconteceu", disse. "Toda a família rubro negra está de luto. Nós sentimos muitíssimo por isso ter acontecido com a gente".

O CEO do clube saiu sem responder as perguntas dos jornalistas. Ele é o responsável também pelo comitê de crise criado pelo Flamengo para lidar com a tragédia. Um jovem ainda está em estado gravíssimo e 10 atletas morreram.

Foto: Antonio Lacerda/EFE

Marina Novaes
Marina Novaes

Segundo reportagem publicada pelo jornal O Globo neste sábado, a Polícia Civil deve ouvir os dirigentes do Flamengo na próxima semana. O incêndio no CT do clube, que matou 10 atletas adolescentes que dormiam no alojamento, está sendo investigado pela 42ª Delegacia de Polícia do Rio. O time criou uma "sala de crise" para tratar sobre o auxílio a vítimas e familiares, mas também para levantar a documentação sobre a situação do alvará do clube, segundo a publicação.

Marina Novaes
Felipe Betim

Quatro vítimas foram identificadas pelas famílias no nstituto Médico-Legal do Rio até as 8h deste sábado: Arthur Vinícius, Pablo Henrique, Victor Isaías e Bernardo Pisetta. Os dois primeiros tiveram seus corpos liberados. O Flamengo entregou ao IML imagens das arcadas dentárias dos 10 jovens para agilizar a liberação dos corpos, a maioria deles encontrados carbonizados no alojamento que pegou fogo.

Felipe Betim
Felipe Betim

Bom dia! A diretoria do Flamengo está reunida na manhã deste sábado na sede do clube, na Gávea, zona sul do Rio de Janeiro, para discutir a crise gerada pelo incêndio que matou 10 meninos no Ninho do Urubu na sexta-feira. Também está presente o secretário nacional de Esportes, Marco Aurélio Vieira, segundo noticiou o jornal 'O Globo'. O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, qualificou o incêndio como "a maior tragédia da história clube". Ainda não está claro se os dirigentes darão uma entrevista coletiva depois do encontro.

Felipe Betim
Rodolfo Borges

Weverton Sousa, um dos jogadores da base do Flamengo, compartilhou nesta sexta-feira um vídeo com os colegas de alojamento que viralizou.

Rodolfo Borges
Rodolfo Borges

Os dez garotos do Ninho do Urubu, o futuro interrompido do futebol brasileiro

De um goleiro trilhando caminho nas categorias de base da seleção brasileira a um jovem há apenas dois dias no CT. As histórias das vítimas que morreram na tragédia

http://cort.as/-EeP3

Rodolfo Borges
Breiller Pires
O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, lamenta que o Flamengo tenha ignorado as notificações municipais sobre a falta de alvará de funcionamento do CT. "Continuaremos fiscalizando para que tragédias como essa não se repitam na cidade do Rio de Janeiro."
Breiller Pires
Breiller Pires
Além de abrir processos de investigação para apurar as responsabilidades do incêndio no Flamengo, a Prefeitura irá fiscalizar as estruturas nos CTs de Vasco e Fluminense, que também não contam com alvarás de funcionamento.
Breiller Pires
Breiller Pires
Ainda de acordo com a Prefeitura, foram lavrados quase 30 autos de infração pelo fato de o CT do Ninho do Urubu estar em funcionamento sem o devido alvará, incluindo um pedido de interdição do local em outubro de 2017.
Breiller Pires
Breiller Pires
Prefeitura do Rio reitera que alojamento atingido por incêndio não consta do último projeto aprovado pela área de licenciamento. Além disso, esclarece que Flamengo solicitou alvará de funcionamento do CT em 2017, mas, como não apresentou laudo dos Bombeiros, teve o pedido negado.
Breiller Pires
Diogo Magri

Senador do Rio de Janeiro, o ex-jogador do Flamengo e seleção brasileira Romário, através de seu Twitter, prestou uma homenagem aos dez garotos mortos no incêndio do Ninho do Urubu.

Diogo Magri
Diogo Magri

Cristiano Ronaldo usou o Instagram para deixar suas condolências.

Diogo Magri
Diogo Magri

Corpo de Bombeiro confirma as 10 vítimas do incêndio

O site G1 informa que o Corpo de Bombeiros confirmou a última vítima do incêndio no Ninho do Urubu: Rykelmo Viana, volante de 16 anos. Com ele, são dez jogadores da base do Flamengo mortos na tragédia: Arthur Vinícius, Athila Paixão, Bernardo Pisetta, Christian Esmério, Gedson Santos, Jorge Eduardo, Pablo Henrique, Samuel Thomas Rosa e Vitor Isaías.

Diogo Magri
Diogo Magri

O Flamengo divulgou uma nota oficial informando a situação médica dos três atletas feridos durante o incêndio que estão internados. Kauan Emanuel e Francisco Dyogo, que estão no Hospital Vitória, apresentam quadro estável. Já Jhonata Ventura está internado no hospital municipal Pedro II em estado grave, com queimaduras em 30% do corpo. O garoto foi atingido na face, membros superiores e mãos.

Diogo Magri
Breiller Pires
O incêndio no clube mais rico do país, que tem orçamento anual de 750 milhões de reais e investiu mais de 100 milhões em contratações na última janela de transferências, liga o sinal de alerta sobre as condições dos jogadores mantidos em categorias de base no Brasil, sobretudo em equipes menores – ou nas mais de 700 filiadas à CBF que, ao contrário do Flamengo, não possuem o Certificado de Clube Formador.
Breiller Pires
Diogo Magri

Em março de 2018, presidente e vice-presidente de finanças do Flamengo deram entrevista ao EL PAÍS contando como o clube recuperou suas finanças, bancando grandes contratações através das receitas da torcida e patrocínio. Em cinco anos, o Rubro-Negro foi de mais endividado a mais rico do Brasil: http://cort.as/-Ee3w

Apesar do considerável orçamento para o futebol, foi informado pelo Corpo de Bombeiros que o Centro de Treinamento do Flamengo não tinha o Certificado de Aprovação, que atesta o funcionamento de equipamentos contra incêndio. A prefeitura do Rio de Janeiro também confirmou que a área não recebeu licença municipal para servir como dormitório.

"Um clube como o Flamengo não pode colocar crianças pra dormir dentro de contêiner. Deveria ter um cuidado especial com os meninos. Essa tragédia poderia ter sido evitada", disse Sebastião Rodrigues, tio de Samuel Thomas Rosa, lateral vítima do incêndio.

Foto: AP

Diogo Magri
Gil Alessi

A Prefeitura do Rio se eximiu de responsabilidade no caso: "Só há inspeção neste tipo de edificação em casos de denúncia".

Gil Alessi
Breiller Pires
A prefeitura do Rio de Janeiro informou que a área incendiada, descrita pelo clube como estacionamento no projeto remetido às autoridades, não recebeu licenciamento municipal para servir como dormitório. O município vai abrir um processo de investigação para determinar responsabilidades pelo caso.
Breiller Pires
Diogo Magri

Pelo Instagram, Lucas Paquetá, revelado pelo Flamengo e meio-campo do Milan, prestou suas condolências aos familiares e amigos das vítimas.

Diogo Magri
Diogo Magri

O NBB, Novo Basquete Brasil, promove nesse fim de semana o jogo das estrelas da competição. O Flamengo comunicou a retirada dos seus profissionais que participariam do evento; entre eles, os jogadores Anderson Varejão, Balbi, Marquinhos, Nesbitt e Olivinha, além do treinador Gustavinho.

Diogo Magri

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS