Seleccione Edição
Login
Accidente tren Turquía

Acidente com trem de alta velocidade na Turquia deixa nove mortos

14 fotos

O trem colidiu de frente com uma locomotiva de manutenção que estava na mesma via. incidente deixou 47 pessoas feridas

  • Um trem de alta velocidade colidiu na manhã desta quinta-feira com uma locomotiva de manutenção de pista nos arredores da capital turca, Ancara, matando nove pessoas e ferindo 47, disse o ministro dos Transportes, Mehmet Cahit Turhan.
    1Um trem de alta velocidade colidiu na manhã desta quinta-feira com uma locomotiva de manutenção de pista nos arredores da capital turca, Ancara, matando nove pessoas e ferindo 47, disse o ministro dos Transportes, Mehmet Cahit Turhan. AP
  • O incidente ocorreu cerca de seis minutos depois que o trem partiu, às 6h30 da manhã (cinco horas a mais no horário de Brasília) a partir da estação de alta velocidade de Ancara.
    2O incidente ocorreu cerca de seis minutos depois que o trem partiu, às 6h30 da manhã (cinco horas a mais no horário de Brasília) a partir da estação de alta velocidade de Ancara. REUTERS
  • Ao atravessar a estação de Marsandiz, onde não deveria parar, o trem colidiu frontalmente com uma máquina de manutenção que realizava uma inspeção de rotina, embora não se saiba por que ela estava na pista de alta velocidade precisamente naquela hora, já que devia estar em seu primeiro destino de serviço, Konya (centro da Anatólia).
    3Ao atravessar a estação de Marsandiz, onde não deveria parar, o trem colidiu frontalmente com uma máquina de manutenção que realizava uma inspeção de rotina, embora não se saiba por que ela estava na pista de alta velocidade precisamente naquela hora, já que devia estar em seu primeiro destino de serviço, Konya (centro da Anatólia). EFE
  • Nesses momentos, o trem ainda não havia atingido sua maior velocidade, mas estava a cerca de 90 quilômetros por hora, segundo a mídia turca. Isso sem dúvida evitou um acidente ainda maior.
    4Nesses momentos, o trem ainda não havia atingido sua maior velocidade, mas estava a cerca de 90 quilômetros por hora, segundo a mídia turca. Isso sem dúvida evitou um acidente ainda maior. REUTERS
  • Mesmo assim, a locomotiva e os dois primeiros vagões do trem acidentado deixaram os trilhos com tanta força que a passagem de nível da estação foi destruída e caiu na ferrovia. "Eu estava no sexto carro, até que o trem não estava indo muito rápido e de repente vimos que o carro havia se separado e deixado a pista. Tentamos passar para o quinto carro, mas as portas estavam bloqueadas", explicou uma das passageiras afetadas à agência turca IHA.
    5Mesmo assim, a locomotiva e os dois primeiros vagões do trem acidentado deixaram os trilhos com tanta força que a passagem de nível da estação foi destruída e caiu na ferrovia. "Eu estava no sexto carro, até que o trem não estava indo muito rápido e de repente vimos que o carro havia se separado e deixado a pista. Tentamos passar para o quinto carro, mas as portas estavam bloqueadas", explicou uma das passageiras afetadas à agência turca IHA. EFE
  • Caminhões de bombeiros, ambulâncias e equipamentos de resgate da proteção civil se dirigiram para o local do acidente para resgatar todos aqueles que estivessem presos nos primeiros vagões.
    6Caminhões de bombeiros, ambulâncias e equipamentos de resgate da proteção civil se dirigiram para o local do acidente para resgatar todos aqueles que estivessem presos nos primeiros vagões. REUTERS
  • Os feridos foram transferidos para hospitais próximos e três deles estão em estado grave. Dos mortos, três eram maquinistas do trem de alta velocidade e os demais eram passageiros, como explica o ministro. "Nossa esperança é que o número de mortos não aumente. As equipes estão trabalhando e, quando o trabalho terminar, compartilharemos os números. As causas técnicas do acidente também estão sendo investigadas", disse o governador da província de Ancara, Vasip Sahin.
    7Os feridos foram transferidos para hospitais próximos e três deles estão em estado grave. Dos mortos, três eram maquinistas do trem de alta velocidade e os demais eram passageiros, como explica o ministro. "Nossa esperança é que o número de mortos não aumente. As equipes estão trabalhando e, quando o trabalho terminar, compartilharemos os números. As causas técnicas do acidente também estão sendo investigadas", disse o governador da província de Ancara, Vasip Sahin. EFE
  • Em julho passado, um trem regional descarrilou no noroeste da Turquia em um acidente que matou 25 pessoas e feriu outras 340 em graus variados de gravidade.
    8Em julho passado, um trem regional descarrilou no noroeste da Turquia em um acidente que matou 25 pessoas e feriu outras 340 em graus variados de gravidade. REUTERS
  • O incidente causou uma grande controvérsia, e já se descobriu que as causas estão relacionadas à falta de manutenção da linha.
    9O incidente causou uma grande controvérsia, e já se descobriu que as causas estão relacionadas à falta de manutenção da linha. AFP
  • Vários vagões foram destruídos após o acidente de trem nesta quinta-feira em Ancara.
    10Vários vagões foram destruídos após o acidente de trem nesta quinta-feira em Ancara. REUTERS
  • Ambulâncias e caminhões de bombeiros, perto da área do acidente.
    11Ambulâncias e caminhões de bombeiros, perto da área do acidente. REUTERS
  • Os socorristas trabalham na área do acidente.
    12Os socorristas trabalham na área do acidente. AP
  • Os membros do serviço de resgate trabalham na zona do acidente.
    13Os membros do serviço de resgate trabalham na zona do acidente. AP
  • Bombeiros e pessoal médico trabalham na área do incidente.
    14Bombeiros e pessoal médico trabalham na área do incidente. AFP