Dezenas de imigrantes desembarcam entre banhistas em praia espanhola

Embarcação chegou a praia em Zahara de los Atunes, Cádis, no início da tarde desta quarta-feira

Os ocupantes de uma bateira desembarcam na praia dos Alemães.EPV/ATLASundefined
Mais informações
Contrabandistas de migrantes: caçados em pleno alto mar
A crise migratória se agrava e ultrapassa as fronteiras da Itália
“A renda básica universal seria a maior conquista do capitalismo”
Marroquina é presa em Ceuta por levar um imigrante dentro de uma mala

Dezenas de imigrantes desembarcaram nesta quarta-feira na costa de Cádis depois de cruzar num barco o Estreito de Gibraltar. Sua chegada à praia dos Alemães, na área municipal de Zahara de los Atunes, à primeira hora da tarde, surpreendeu os banhistas que aproveitavam o dia de verão.

Quando o barco aportou na praia, seus ocupantes saltaram e se dispersaram rapidamente pelo areal. A cena, que se repetiu em outras ocasiões em diferentes pontos da costa de Cádiz, foi gravada e difundida nas redes sociais pelos banhistas que se encontravam na praia.

A chegada à praia dos Alemães se soma ao aumento das tentativas de entrar em território espanhol, registrado nas últimas semanas.

Outras 15 pessoas que viajavam a bordo de duas embarcações, oito e sete, respectivamente, foram resgatadas na manhã esta quarta-feira.

Segundo informou o Salvamento Marítimo, o órgão recebeu um pedido de auxílio vindo do barco que levava a bordo oito homens, por isso a embarcação Arcturus foi realizar o resgate. Um novo aviso da Tanger Traffic informou sobre a localização dos dois barcos, cujos ocupantes foram resgatados pela Marinha Real Marroquina e levados para Tânger.

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS