Campeonato Italiano

Os 40 anos de Totti, um dos maiores da história do futebol

O atacante italiano passou mais da metade de sua vida jogando na Série A pelo clube que ama

Totti comemora gol contra o Torino.
Totti comemora gol contra o Torino.M. B. (AFP)

Os turistas que chegam a Roma se apressam para ir à Fontana di Trevi, a fonte mais famosa. Diz a lenda que para voltar à cidade é preciso jogar uma moeda ali, de costas e com o braço direito cruzando o coração. Provavelmente, Francesco Totti nunca teve a necessidade de fazer isso. O ídolo da AS Roma fez 40 anos na terça-feira. Passou 23 deles, mais da metade de sua vida, jogando na equipe principal do seu amado clube e é um dos poucos jogadores cuja carreira profissional começa e termina no mesmo lugar. Totti é eterno, como sua cidade. Entre o Panteão e o Coliseu, os visitantes veem outra imagem repetida: as camisetas da Roma com o número 10 nas costas, sempre com o mesmo nome.

A ponto de chegar às quatro décadas, Totti tinha marcado na última rodada do campeonato seu gol número 250 na Série A, e já fez 306 na Roma. Estreou na Série A em 28 de março de 1993, com 16 anos, em um jogo contra o Brescia Calcio com a vitória da sua equipe por 2 a 0. Com o clube dos seus amores ganhou um campeonato da Série A em 2001, duas Supercopas da Itália (2001 e 2007) e duas Copas da Itália (2007 e 2008). Com a seleção italiana, ganhou a Copa do Mundo da Alemanha em 2006.

Cumprimentos de todos os lugares

Muitos atletas mandaram saudações através das redes sociais a Totti pelo seu aniversário. O canal do YouTube chamado Francesco Totti Oficial juntou as demonstrações de carinho de todos os personagens destacados que quiseram felicitar o jogador, incluindo Lionel Messi, Rafael Nadal, Usain Bolt, Iker Casillas e até Matteo Renzi, o primeiro-ministro italiano.

“Sempre o admirei e desde o dia em que o conheci, admiro muito mais”, disse Messi em sua saudação. “De uma lenda para outra”, brinca Usain Bolt, na sua. Rafael Nadal se animou a falar italiano e desejou “o melhor para esta etapa”. Ninguém quis deixar de enviar sua mensagem ao histórico jogador da Roma. Também mandaram Paolo Maldini, Andrea Pirlo e Fabio Cannavaro, entre outros.