Eduardo Cunha perde o mandato na Câmara por 450 votos a apenas 10

Sessão analisou pedido de cassação feito pelo Conselho de Ética

O deputado afastado Eduardo Cunha.
O deputado afastado Eduardo Cunha.Marcelo Camargo/ Agência Brasil

O destino de Eduardo Cunha foi decidido na noite desta segunda-feira após meses de protelação. A Câmara dos Deputados cassou, por 450 votos a 10 (e 9 abstenções), o mandato do acusado de mentir à CPI da Petrobras ao dizer que não tinha contas no exterior. Eduardo Cunha era alvo de dois processos no Supremo Tribunal Federal (STF) por suposta ligação com o esquema de corrupção na Petrobras — sem foro privilegiado, passará a responder pelas acusações na primeira instância — e já estava afastado do cargo desde maio, por decisão da mesma corte. O deputado nega as acusações, que envolvem também sua mulher, Cláudia Cruz, e a filha Danielle. 

Confira abaixou como transcorreu a sessão:

Flávia Marreiro
Abandonado por aliados, Eduardo Cunha cai e vira homem-bomba. Leia a reportagem de Afonso Benites http://cort.as/lT6g
Flávia Marreiro
Rodolfo Borges
Os 9 deputatos que se abstiveram: Alberto Filho (PMDB-MA), Alfredo Kaefer (PSL-PR), Andre Moura (PSC-SE), Delegado Edson Moreira (PR-MG), Laerte Bessa (PR-DF), Mauro Lopes (PMDB-MG), Nelson Meurer (PP-PR), Roney Nemer (PP-DF) e Saraiva Felipe (PMDB-MG).
Rodolfo Borges
Afonso Benites
Duas representantes do movimento Nas Ruas, Carla Zambelli e Kelly Cristina, conhecida nas redes sociais como Kelly Bolsonaro, agradeceram Cunha pelo impeachment de Dilma Rousseff. Foram vaiadas por funcionários da Câmara que seguravam cartazes contrários a Cunha.
Afonso Benites
Afonso Benites
Após a entrevista coletiva de Cunha, manifestantes contra ele e apoiadores do impeachment de Dilma Rousseff trocam ofensas no salão verde da Câmara.
Afonso Benites
Afonso Benites
Como cada deputado votou na cassação de Eduardo Cunha: http://cort.as/lT19
Afonso Benites
Rodolfo Borges
... Jozi Araújo (PTN-AP), Júlia Marinho (PSC-PA), Marco Feliciano (PSC-SP), Paulinho da Força (SD-SP) e Wellington Roberto (PR-PB).
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Apenas 10 deputados votaram contra a cassação de Cunha: Arthur Lira (PP-AL), Carlos Andrade (PHS-RR), Carlos Marun (PMDB-MS), Dâmina Pereira (PSL-MG), João Carlos Bacelar (PR-BA)...
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
"Não tenho nada a revelar sobre ninguém, no dia em que o tiver, eu o farei", disse o deputado cassado. Questionado sobre o que vai fazer agora, ele diz que "primeiro vou procurar uma editoria para o livro".
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Cunha atribui sua cassação ao "binômio Governo e Globo associado ao PT".
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Cunha diz que só tem temor a Deus, que é inocente e que não se sente traído pelo Governo Temer, mas cita Moreira Franco, secretário do Programa de Parcerias de Investimento do Governo, ao dizer que o Palácio do Planalto é responsável por sua cassação.
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Eduardo Cunha diz que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), se uniu ao Governo Temer e ao PT para cassá-lo. "Só faz delação quem é criminoso", diz, acrescentando que vai "escrever o livro do impeachment".
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
"Eu cometi muitos erros. Sou ser humano. Errei muitas vezes, mas não foram meus erros que levaram à minha cassação. O que levou é a política. Fui vítima de uma vingança política", diz ele, acrescentando que foi vítima de campanha da TV Globo.
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
"Estamos vivendo um processo político em que eu, por ter dado inicio ao processo de impeachment, virei um troféu para fomentar o discurso do golpe", diz Eduardo Cunha ao responder uma questão sobre "onde errou".
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Eduardo Cunha se posiciona para entrevista coletiva.
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Os 10 votos de Cunha ficaram muito abaixo das piores expectativas dos defensores do peemedebista.
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Com 450 votos a favor e apenas 10 contra, Eduardo Cunha perde seu mandato de deputado. Foram registradas ainda 9 abstenções.
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Ivan Valente (PSOL-SP) cede lugar ao colega Chico Alencar (PSOL-RJ) para que ele reforce as críticas a Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Está encerrada a votação.
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Após discurso de Jandira Feghalli (PCdoB-RJ) com críticas a Eduardo Cunha e a defesa do Governo Dilma Rousseff, o deputado Ivan Valente (PSOL-SP) fecha os debates. Ao fim de seu discurso, a votação será encerrada.
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
469 deputados já votaram sobre a cassação de Eduardo Cunha. A votação está chegando ao fim.
Rodolfo Borges
Rodolfo Borges
Agora já são 473 deputados que confirmaram presença na sessão. São quase todos os 513.
Rodolfo Borges

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS