Morre Luiz Carlos Miele, diretor e produtor musical da Bossa Nova

Um dos principais promotores da Bossa Nova, Miele morreu aos 77 anos em sua casa

Miele e Ana Botafogo, neste ano, no Rio.
Miele e Ana Botafogo, neste ano, no Rio.Roberto Filho (Flickr Commons)

O produtor e diretor musical Luiz Carlos Miele foi encontrado morto em seu apartamento, na zona sul do Rio de Janeiro na manhã desta quarta-feira. Miele, que foi um dos principais promotores da Bossa Nova, tinha 77 anos. A causa da morte ainda não foi confirmada.

Por volta das oito da manhã, familiares ligaram para o serviço de emergência afirmando que Miele estava passando mal. Quando a ambulância chegou na residência, o produtor já estava morto. Segundo Vânia Barbosa, a empresária de Miele, afirmou ao jornal Folha de S. Paulo, ele e a mulher jantaram na noite anterior com alguns amigos e, nesta manhã, a mulher acordou e o viu caído no chão. Aparentemente, Miele não tinha nenhum problema de saúde, segundo Vânia.

MAIS INFORMAÇÕES

Miele foi um dos maiores produtores da Bossa Nova no Brasil. Muito próximo a Ronaldo Bôscoli, produziu shows de Elis Regina Sergio Mendes e Wilson Simonal e outros artistas brasileiros importantes, como Roberto Carlos. Filho da atriz e cantora Irma Miele, Luiz Carlos nasceu em São Paulo em 1938 e cresceu convivendo com artistas. Iniciou sua carreira como radialista aos 12 anos. Foi também ator e apresentador. No SBT, apresentou, entre 1991 e 1992, o programa Cocktail, em que mulheres competiam com homens em alguns jogos. No final, elas exibiam os seios e faziam strip-tease completo. Foi na TV que realizou, como ator, seu último trabalho, em 2012, na minissérie O Brado Retumbante, na Globo.

Arquivado Em: