Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Assim chegam ao final os principais campeonatos europeus de futebol

Monaco pode conquistar o título francês nesta quarta; Real tem jogo decisivo na briga pelo Espanhol

Chelsea, Bayern, Benfica e Feyenoord já comemoram o título

Jogadores do Feyenoord, capitaneados por Dirk Kuyt, celebram o título do campeonato, conquistado no domingo.
Jogadores do Feyenoord, capitaneados por Dirk Kuyt, celebram o título do campeonato, conquistado no domingo. Getty Images

Os principais campeonatos europeus chegam ao fim. O Inglês e o Holandês foram definidos no fim de semana passado e a maioria se encerra no próximo. Este é um resumo da situação nas principais ligas:

Espanha. La Liga

Campeão: Barcelona e Real Madrid duelam ponto a ponto pelo título. Nesta quarta-feira, em Balaídos, Vigo, o Real fará, contra o Celta, um jogo que havia sido adiado anteriormente, e pode ser determinante na briga pelo Espanhol. Se vencer, precisará apenas de um empate no domingo, em La Rosaleda, contra o Málaga. O Barça, por sua vez, não depende de si mesmo: necessita de uma vitória contra o Eibar, em casa, no domingo, e conta com uma derrota ou dois empates do rival madrilenho.

Champions: Na terceira colocação e na quarta, respectivamente, terminarão Atlético de Madrid e Sevilla. O primeiro irá direto à fase de grupos; o segundo, à fase eliminatória.

Liga Europa da UEFA: Pelo quinto e sexto lugar, brigam Villarreal, Athletic Bilbao e Real Sociedad. Os dois primeiros não dependem de outros resultados para garantirem vaga na Europa League. A Real, no entanto, precisa vencer e torce por um tropeço de um dos dois rivais, para, assim, classificar-se para a competição europeia. 

Rebaixamento: Tudo definido. Granada, Osasuna e Sporting Gijón estão rebaixados.

Lemina e De Rossi durante o Roma-Juventus do fim de semana passado.
Lemina e De Rossi durante o Roma-Juventus do fim de semana passado. REUTERS

Inglaterra. Premier League

Campeão: O Chelsea festejou na sexta-feira, faltando uma rodada, mas ainda há oito equipes com dois jogos pendentes.

Champions: O Tottenham já assegurou o segundo lugar e o Manchester City será o terceiro e evitará a eliminatória prévia se vencer o Watford no encerramento da competição. O Liverpool também depende de si mesmo para ser o quarto; precisa superar em Anfield o rebaixado Middlesbrough.

Liga Europa da UEFA: O Arsenal está prestes a ficar fora da Champions, da qual nunca deixou de tomar parte desde 1998. Para o Manchester United só resta ganhar do Ajax na final da presente edição da segunda competição continental para não repetir a experiência. O Everton retorna depois de dois anos de ausência.

Rebaixamento: Já está tudo definido. Hull, Middlesbrough e Sunderland vão para a segunda divisão, a Championship, da qual ascenderão Newcastle e Brighton, à espera da resolução do terceiro lugar na promoção.

Itália. Serie A

Campeão: A Juventus recebe no próximo domingo o Crotone, que se encontra em pleno voo, com cinco vitórias e dois empates nas sete últimas rodadas e tenta evitar um rebaixamento que parecia certo. Mas, se a lógica se impuser, e o finalista da Champions vencer, terá liquidado o campeonato porque tem quatro pontos de vantagem sobre a Roma e cinco à frente do Napoli, com duas rodadas por jogar.

Champions: Será disputada pela Roma e o Napoli, mas um dos dois jogará a eliminatória prévia. A vantagem é para o primeiro, que tem também um calendário mais amável com uma partida contra o Chievo, em Verona, e o duelo final em casa com o Genoa.

Liga Europa: Lazio e Atalanta confirmaram sua vaga e o Milan tem vantagem de um ponto sobre a Fiorentina e quatro sobre a Inter, três ilustres na briga por uma oportunidade que se abre porque a final da Copa Itália será disputada pela Juventus e o Lazio.

Rebaixamento: Palermo e Pescara já caíram. O Crotone ainda tentará o mais difícil justamente contra a Juventus e o Lazio. Empoli e Genoa ainda podem complicar-se caso a equipe calabresa pontue.

Os jogadores do Monaco comemoram seu triunfo contra o Lille, no domingo.
Os jogadores do Monaco comemoram seu triunfo contra o Lille, no domingo. REUTERS

Alemanha. Campeonato alemão (Bundesliga)

Campeão: O Bayern confirmou o triunfo em seu quinto campeonato consecutivo no final de abril.

Champions: O RB Lepizig estreará, e na fase de grupos, onde também chegará o Borussia Dortmund se for bem-sucedido na última rodada em casa contra o Werder Bremen, com no mínimo o mesmo resultado que o Hoffenheim, que de qualquer modo jogaria a eliminatória prévia, contra o Augsburg.

Liga Europa: Hertha e Friburgo partem com vantagem para a última rodada, no próximo sábado, embora o segundo tenha uma dura prova no Allianz Arena. Colonia e Werder Bremen podem alcançar o sexto lugar e de qualquer modo entrar como sétimos se o Eintracht não ganhar do Borussia Dortmund na final do campeonato.

Rebaixamento: Ingolstadt e Darmstadt jogarão na segunda divisão, a Bunsdesliga 2. Resta um lugar para o descenso a essa categoria, e é quase certo que será para o Hamburgo ou o Wolfsburg, que se enfrentam na casa do primeiro, para quem só a vitória serve.

França. Ligue 1

Campeão: Falta uma rodada, mas o Monaco tem uma partida pendente e, se ao menos empatar nesta quarta-feira, em casa, contra o Saint-Ettiene, conquistará o campeonato.

Champions. O Paris Saint-Germain acabaria em segundo e o Nice já é o terceiro e disputará a eliminatória prévia.

Liga Europa: O Olympique de Lyon terminará a liga em quarto lugar. Marseille e Bordeaux disputam uma posição na prévia, com vantagem para o primeiro, que depende de si mesmo e recebe o Bastia. Mas os dois voltarão a ser equipes europeias se o Angers não vencer o PSG na final da Copa da França.

Rebaixamento: O Nancy já está sentenciado e o Bastia e o Lorient também estarão se não vencerem o Marseille e o Girondins. Mas se conseguirem têm a chance de se livrar do rebaixamento e condenar o Dijon e o Caen, que têm jogos complicados em Toulouse e Parque dos Príncipes para encerrar o campeonato.

Encerramento da partida entre o Benfica e o Vitória de Guimarães que levou os lisboetas a conquistassem o título.

Portugal. Liga NOS

Campeão: O Benfica comemorou o tetracampeonato no sábado depois de derrotar o Vitória de Guimarães no estádio da Luz.

Champions: O Porto assegurou o acesso à fase de grupos depois de um novo fracasso doméstico e o Sporting o fará na terceira eliminatória prévia e terá de passar por dois para ficar entre os 32 melhores.

Liga Europa: O Vitória de Guimarães, que novamente jogará contra o Benfica –na final da Taça de Portugal–, e o Braga já estão confirmados. O Marítimo de Funchal precisa empatar na última rodada em Paços de Ferreira para entrar como sexto classificado, do contrário poderá ser derrubado pelo Río Ave.

Rebaixamento: O Nacional da Madeira já está condenado. Tondela, Moreirense e Arouca tentam evitar o outro lugar. O Tondela só depende de si mesmo e recebe o Braga, mas o Moreirense tem apenas um ponto a mais e espera o Porto. Para o Arouca basta pontuar no Estoril.

Holanda. Eredivisie

Campeão: A competição já se encerrou. O Feyenoord celebrou a vitória neste fim de semana depois de 19 anos.

Champions: O Ajax jogará de novo a eliminatória prévia como segundo classificado.

Liga Europa: O PSV Eindhoven se classifica como terceiro e Utrecht, Vitesse, AZ Alkmaar e Twente disputarão mais duas vagas em um playoff.

Rebaixamento: O Go Ahead Eagles foi diretamente rebaixado e o NEC Nijmegen e o Roda disputarão um playoff.

UMA REVELAÇÃO NA TURQUIA E UM CAMPEÃO INÉDITO NA CROÁCIA

Chute de Talisca, do Besiktas, contra Martin Skrtel, zagueiro do Fenerbahce.
Chute de Talisca, do Besiktas, contra Martin Skrtel, zagueiro do Fenerbahce. AFP

Nos demais campeonatos o destaque na Turquia é a disputa entre o Besiktas e o Istanbul Basaksehir, uma revelação no torneio, faltando ainda três rodadas e um calendário mais favorável para o primeiro.

Na Bélgica restam duas rodadas, nesta quinta-feira e no domingo, no playoff pelo título. O Anderlecht tem dois pontos de vantagem sobre o Gent e um a mais que o Brugge, com partidas por jogar contra o Charleroi e o Ostende, já descartados na briga pelo título do campeonato. A equipe de Bruxelas está há dois anos sem vencer.

Na Rússia, também com duas rodadas pela frente nesta semana, já há campeão, e é o Spartak Moscou. O CSKA e o Zenit disputam a segunda vaga que dá acesso à prévia da Champions. No playoff da Ucrânia o Shakhtar pode recuperar o título depois de dois anos de abstinência. Leva vantagem de três pontos sobre o Dynamo Kiev, faltando três rodadas, mas ambos terão de se enfrentar na penúltima.

Já faz algumas semanas que o Basilea, gigante suíço, festejou seu oitavo título consecutivo e o mesmo ocorre na Bundesliga austríaca, onde o Red Bull Salzburg chega à sua sétima vitória nos nove últimos torneios.

Na Croácia o Rijeka está a um passo de ser campeão e não só despachará o Dimano Zagreb, campeão nas onze últimas campanhas, mas conquistará seu primeiro título. Faltam três rodadas e tem vantagem de cinco pontos. Na última rodada os dois times se enfrentarão, mas nessa altura tudo já deverá estar definido. Na Sérvia o playoff está castigando o Estrela Vermelha, dominante no campeonato regular, mas agora superado pelo Partizan, que será campeão se empatar nesta quarta-feira em casa do Radnicki Nis.

MAIS INFORMAÇÕES