Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Vin Diesel pede desculpa após assediar repórter brasileira em entrevista

Ator interrompeu várias vezes a conversa para dizer que Carol Moreira era bonita e estava apaixonado

A jornalista brasileira Carol Moreira durante entrevista com Vin Diesel.
A jornalista brasileira Carol Moreira durante entrevista com Vin Diesel.

“Como todos sabem, tento fazer com que minhas entrevistas sejam divertidas, especialmente quando estou na Xander Zone. Mas se ofendi alguém, deixem-me pedir perdão porque essa nunca foi minha intenção.” Assim se desculpou Vin Diesel em seu perfil do Facebook depois de ser acusado de assediar a jornalista brasileira Carol Moreira durante uma entrevista, em que a interrompeu várias vezes para dizer que ela era bonita e sexy.

O ator, que promove o filme xXx: Reativado (no original, xXx: Return of Xander Cage), disse a Carol que ela era muito bonita: “Meu Deus, você é linda. Estou errado? É linda.” Ela tentava continuar com o roteiro das perguntas, mas o ator insistiu: “Vamos sair daqui, vamos almoçar”, disse.

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

“Por Deus, eu a amo, vejam como é bonita”, prosseguiu o ator de 49 anos. “Sou igual a você porque te amo. Meu Deus, pessoal, olhem que linda que é.” Enquanto a jornalista tentava fazê-lo dizer uma frase em português, Diesel continuava falando da sua beleza: “Não posso fazer essa entrevista. Ninguém pensa como eu? Caras, olhem para ela. É tão fucking sexy. [...] Não posso fazer essa entrevista porque...”, e então o ator foi de joelhos até Carol. E repetiu: “Quando ela se tornou a mulher mais linda do Brasil?”

Após vários minutos de assédio verbal, a jornalista deu fim à entrevista e foi embora. Ela mesma reconheceu, em seu canal do YouTube, que se sentiu incomodada e ofendida. “Ele me interrompeu três vezes para falar disso. Então vocês vão ver aí no vídeo que eu estava rindo, completamente desconfortável. Eu só ria, só ria porque estava numa situação muito delicada. Mas a verdade é que eu não gostei disso, na hora eu não soube reagir, mas vocês vão ver que eu estava desconfortável, que não foi legal que ele interrompeu o meu trabalho”, disse ela no vídeo que publicou e que já teve mais de 4 milhões de visitas.

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar