Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Feliz Dia das Crianças, uma data reanimada pelas fotos infantis de perfil

Por que comemoramos um 12 de Outubro diferente das Américas? O doodle também se rende

Feliz dia das crianças
Fotos de crianças dos usuários de redes sociais, incluindo ministros e Temer.

O 12 de outubro é feriado no Brasil, mas isso nada tem a ver com Cristovão Colombo, como no resto das Américas e na Espanha. A verdade é que a Europa só entra de raspão nessa história. O que se comemora é o dia de Nossa Senhora Aparecida, além do Dia das Crianças (que ganhou até um doodle do Google este ano). A celebração de Aparecida recorda um fato de 1717, quando a localidade de Guaratinguetá (SP) esperava a visita de um conde. Três pescadores se lançaram ao rio Paraíba do Sul para encontrar comida e poder receber o nobre dignamente. Ao puxar a rede, encontraram uma figura de barro de Nossa Senhora da Conceição, sem a cabeça. Numa segunda redada, recuperaram a cabeça da imagem.

Com os anos, a imagem foi se tornando cada vez mais popular (muitos acreditam que por ser negra, como quase toda a população brasileira que necessitava de um milagre). Os fiéis lhe construíram um altar, depois um templo, e em 1930 o papa Pio XI a sagrou padroeira do Brasil.

Dessa forma, o país evita associar o dia a um passado que ainda incomoda alguns, e cuja lembrança não é de forma nenhuma homogênea no Brasil inteiro. De maneira geral (e resumindo grosseiramente), quanto mais conservador é o colégio, mais idílica é a forma como a colonização é ensinada, ao passo que nos colégios progressistas tende-se a focar mais as problemáticas raciais e culturais.

O estudo de história afro-brasileira só foi introduzido no ensino básico por uma lei aprovada em 2003. Agora (e aqui também estamos falando de forma muito geral), conta-se às crianças pequenas a história do conquistador Pedro Álvares Cabral, e, à medida que elas avançam no ensino fundamental e médio, os relatos do descobrimento e da escravidão (que durou até 1888) começam a ser questionados.

Desde 1924 se celebra também no 12 de outubro do Dia das Crianças, uma festa bastante ignorada até 1960, quando um fabricante de brinquedos a usou em uma campanha de marketing. Desde então é normal que os pequenos acabem ganhando um presente e um par de horas em um parque. E, mais recentemente, nesta semana a norma não escrita obriga a mudar a foto do perfil do Facebook por uma da infância dos usuários.

MAIS INFORMAÇÕES