Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

O que acontece se um apresentador usar a mesma roupa sempre?

Um experimento mostra que os homens não são julgados pelo que vestem, já as mulheres recebem duras críticas

O apresentador Karl Stefanovic e sua companheira.

Resposta curta: NADA.

Vamos agora à resposta mais ampla.

Há quem, como Mark Zuckerberg, se veste quase sempre igual (em seu caso, com uma camiseta cinza) para não perder tempo pensando no que usar. Pela mesma razão, Obama normalmente faz isso e Steve Jobs também fazia.

Karl Stefanovic, co-apresentador de um programa popular da televisão australiana, fez o mesmo, mas com um propósito diferente. Uma experiência para demonstrar que, enquanto sua companheira é julgada e, às vezes, duramente criticada por como se veste, ele usou o mesmo terno azul que imita o da Burberry durante um ano sem que ninguém percebesse ou sem que ninguém se importasse.

“As mulheres são julgadas da forma mais dura e mais intensamente pelo que fazem, pelo que dizem e pelo que vestem”, disse Stefanovic à agência Fairfax Media. Em seu caso, por outro lado, diz: “Ninguém se importou merda nenhuma”.

Sim, ele trocava de gravata, como se pode ver nesta compilação do canal do YouTube Girt Nation:

Durante o ano todo não recebeu comentários de telespectadores nem de especialistas em moda. Ninguém o criticou. Não aconteceu nada até que ele mesmo contou o fato na semana passada. E, desde então, se tornou notícia, não apenas na Austrália, mas também na mídia dos EUA e do Reino Unido.

“Eu sou julgado por minhas entrevistas, meu péssimo senso de humor ou, fundamentalmente, por como faço meu trabalho. Enquanto isso, as mulheres são julgadas muitas vezes pelo que vestem ou por como usam o cabelo”, disse o apresentador, sobre as diferenças que ele percebe no comportamento do público e dos meios de comunicação quando se trata de sua companheira no programa Today, Lisa Wilkinson.

Stefanovic, quando o tema foi abordado no programa, levantou a questão se isso evidenciaria o sexismo. “Não sei se é, pode ser sexismo quando são principalmente outras mulheres que julgam as outras? Acho que neste caso, a respeito das mulheres na televisão, trata-se principalmente de mulheres julgando outras mulheres pelo que vestem”.